Sapata esquece de trazer agua para a Terra: Omolu - Obaluaiê - Xapanã

Postado por: Alberto Ebomi at 14:12 0 Comentários
Conta a Lenda que Sapata também conhecido como Omolu, Obaluaiê, Xapanã era irmão de  Sobô e se esquece de trazer água para a Terra. Depois da Criação, o Criador se cansou de trabalhar e determinou que Sapatá e Sobô governassem por ele. Mas os irmãos se desentenderam e Sapatá, o mais velho, resolveu deixar o Céu e vir residir na Terra.

Omolu, Obaluaiê, Xapanã - Orixá - Obaluiê - olubajé - oferendas - festas - xirê

Seu pai, o Criador, lhe deu todas as suas riquezas e ele levou para a Terra tudo o que conseguiu carregar. Sobô continuou a morar com o pai.

Sapatá se esquece de trazer água para a Terra


Com toda sua riqueza, Sapata teve muito sucesso junto aos humanos e foi feito o rei da humanidade.
Mas, logo depois, a chuva parou de cair. e os humanos foram reclamar com Sapatá.

Ele disse que não se preocupassem, que logo voltaria a chover.
Mas um ano se passou, e mais um, e logo três anos e nada de chuva.
Nessa época, haviam descido à Terra dois homens, que andavam de lugar em lugar, divulgando as maravilhas de Ifá.

Eles falavam com todos os homens e mulheres, que então já eram poucos, pois a seca já matara de fome quase toda a população. Quando os dois homens falaram com Sapatá (Omolu), ele reconheceu o jeito de se falar no Céu e quis saber o que estava acontecendo.

Eles disseram que não sabiam, mas que portavam os instrumentos de adivinhação de e que Ifá poderia tudo revelar.

Eles jogaram os dezesseis caroços de dendê e disseram que havia uma discórdia, uma discórdia entre dois irmãos que desejavam ter as mesmas coisas.

Eles disseram que ele fizesse um sacrifício, para assim acalmar Sobô, seu irmão mais novo.
Assim foi feito e um pássaro foi levar as oferendas. Quando o pássaro chegava ao Céu, avisaram Sobô que alguém se aproximava.

Para ver quem era, Sobô lançou um relâmpago, que iluminou todo o espaço, e ele viu o pássaro de Sapatá. Ele recebeu o sacrifício e mandou dizer a Sapatá que havia sido muito ambicioso, levando com ele quase todas as riquezas do pai deles.

Mas tinha igualmente sido muito tolo, pois não levara nem o fogo nem a água.
De fato, Sapatá deixara essas coisas para trás, pois elas não couberam em seu saco de riquezas.

"Sem água e sem fogo ninguém pode governar, ainda que tenha muitas riquezas", mandou dizer Sobo a Sapatá.

O pássaro disse que Sapatá deixava todo o governo do universo para o irmão Sobô, que era o dono do fogo e o dono da água.
Naquele momento, uma chuva forte e benfazeja caiu sobre a Terra e o mundo voltou à vida normal.
Os dois irmãos se reconciliaram.
De vez em quando, Sobô faz sua visita em forma de relâmpago.

Omolu ou Obaluaiê é um Orixá muito respeitado no Candomblé, e sua festa o Olubajé é uma parte do culto com grande admiração pelos devotos (filhos de santo e simpatizantes).
Sua saudação é Atôtô Obaluaiê: Silêncio o rei chegou!

Cantigas de Omolu/ Obaluaiê com letra e tradução



Categorias: ,

Compartilhe

SEJA UM ASSINANTE

Inscreva-se em nossa lista de E-mail. Totalmente livre de SPAM.

0 comentários:

Alguma dúvida?! Sugestão? Deixe seu comentário.

Artigos populares
Culto afro brasileiro
Site

Criado para divulgar a religião do Candomblé e a Umbanda, falando sobre Orixás, Entidades, Caboclos, Ifá, Cultura Afro-brasileira, para que os seguidores de nossa tão linda religião cada vez mais se enrriqueça de sabedoria e cultura. Axé para Todos!!!

Licença Creative Commons
Obra de divulgação, não deve ser comercializada de nenhuma forma. Não é permitido copiar artigos do blog sem a devida autorização do autor.

Powered by Blogger.
back to top