A LENDA DE OBI (OWE TI OBI) O SAGRADO OBI

Fruto, semente, fava, muito utilizada dentro do culto do candomble, oferecidos aos Orixás, Santos, Deuses, Vodun, inquices, Los Orishas, Orisa, Pai de cabeça, Eledá, tendo tido como um dos elementos mais sagrados da religião e culto no Keto, Alaketo, Engenho velho, Opojonjá, Nagô, Axé Oxumarê, Culto a Ifá, Santeria Cubana, (Los Orishas) etc... :

    Após o cataclismo que separou-os ará-aiye dos ará-orun, os sacerdotes de ifá não mediram esforços para placar a ira de Olodumare. Inúmeros preceitos e várias oferendas foram realizads em prol da obtenção do áforiji/perdão do "Senhor do Universo".
    A remissão da pena era de suma importância, pois todo o contato com o mundo sobrenatural havia se perdido.
Tantas foram as súplicas e ofertas, que Olodumare apiedou-se e concedeu aos ará-aiye o indulto pela falta cometida (a ultrapassagem dos limites feita por um omo tundé, permitindo a vida de um Owoli/profeta ao mundo o que foi chamado de Obi. Este ser predestinado, não poderia fazer discriminação das pessoas, e nem tão pouco recusar o atendimento as mesmas, sob pena de perder seus poderes. E assim, os os anos foram se passando e Obí foi crescendo e tornando-se um homem famoso nos lugares mais longínquos. Infelizmente, não levou muito tempo para que a fama subisse a cabeça de Obí, e quando ele se encontrou no auge da mesma, passou a ser indiferente e menosprezar as pessoas mais carentes, chegando ao ponto de negar-lhes atendimento nos momentos mais difíceis.


Estes fatos não passaram desapercebidos diante dos olhos do Alábojuto ti Olodumare?inspetor geral de Deus- Exú que tratou imediatamente de relatar ao Criador a desobediência e o procedimento de Obi.

Indignado com os fatos, Olodumare se materializa e vai procurar -Obi- por três vezes consecutivas: uma disfarçada de rico, outra de mendigo e por último passou-se por uma pessoa desprovida de recursos financeiros no momento do seu desepero.

Contudo, para seu infortúnio, as informações cedidas por Exú eram verdadeiras. Então, Olodumare fingindo-se mais uma vez de mendigo, bateu a porta de -Obi- suplicando atendimento. E, mais uma vez sem de nada desconfiar o profeta - Obi- recusou o atendimento.

Neste exato momento, Obi ouve alguém chamar-lhe à porta, e reconhecendo a voz de Olodumare corre rapidamente para abri-la, e ao deparar com o "Seu Deus" desfaçado de mendigo prótase aos seus pés suplicando perdão. Irredutível Olodumare pronuncia-se: Obí, a tua missão na Terra, como profeta, está encerrada. Voltarás ao pó e no local em que fores enterrado nascerá uma igi/árvore esta que terá o teu nome, que dará flores e frutos, cujas sementes cairão do alto da mesma e rolarão pela terra por toda eternidade, e rolando pela terra servirão de interpretação entre o profano e o sagrado, entre os ará-aiye e os ara-orun.
2 comentários:
  1. Parabéns pelo conteúdo.
    Willian Marques, produção do Melodias de Terreiro
    www.radiomelodiasdeterreiro.ning.com

    ResponderExcluir
  2. Adorei a lenda de Obi ... Cada vez essa página me surpreende!

    ResponderExcluir

Você da Umbanda ou do Candomblé que quer deixar uma observação fique avontade, seu comentário será de ajuda para mim e para os outros leitores do site que estão aprocura de aprendizagem. Sorte axé para todos irmãos.

Veja nosso canal do Youtube
Escute Cantigas de Candomblé
Sites de Referências.
Spirituality Blogs - BlogCatalog Blog Directory Central Blogs Juntos no Candomblé

Criado para divulgar a religião do Candomblé e a Umbanda, falando sobre Orixás, Entidades, Caboclos, Ifá, Cultura Afro-brasileira, para que os seguidores de nossa tão linda religião cada vez mais se enrriqueça de sabedoria e cultura. Axé para Todos!!! Licença Creative Commons
Obra de divulgação, não deve ser comercializada de nenhuma forma. Não é permitido copiar artigos do blog sem a devida autorização do autor..
.

Divulgar Blogs

Juntos no Candomblé Copyright © 2009 Gadget Blog is Designed by Koragem Macumba GratisMacumba GratisJogos e Dicas Site de Games