O que e Axé? E quais são eles?

Posted by Alberto Ebomi at 22:47 1 Commentario

O que é Axé? E quais sãos eles.

Para entendermos melhor O que é Axé? e Quais são eles, precisaremos falar a respeito do axé, e para discorrer falaremos a respeito da natureza e destino humanos é interessante iniciar esclarecendo o significado de axé (asè), nome dado pelos iorubas à força vital

O Axé é um termo muito utilizado no Candomblé, mas também não é incomum na Umbanda. Segundo Maupoil (citado por E. dos Santos, 1986) axé é a força invisível, a força mágico-sagrada de toda divindade, de todo ser animado, de toda coisa. Não aparece espontaneamente. Precisa ser transmitida. 

Qualquer chance de realização na existência depende do axé que, enquanto força, obedece a algumas leis:

(1) é absorvível, desgastável, elaborável e acumulável;


(2) é transmissível através de certos elementos materiais, de certas substâncias;

(3)
uma vez transferido por essas substâncias a seres e objetos, neles mantém e renova o poder de realização;


(4)
pode ser aplicado a diversas finalidades;


(5) sua qualidade varia segundo a combinação de elementos que o constituem e que são, por sua vez, portadores de uma determinada carga, de uma particular energia e de um particular poder de realização. O axé dos orixás, por exemplo, é realimentado através de oferendas e de ação ritual, transmitido por intermédio da iniciação e ativado pela conduta individual e ritual;

(6)
pode diminuir ou aumentar.




O que é Axé


O Axé

O axé encontra-se numa grande variedade de elementos do reino animal, vegetal e mineral. Encontra-se em elementos da água doce e salgada e da terra. Acha-se contido nas substâncias essenciais de seres animados ou não. 

Elbein dos Santos (1986) apresenta uma classificação do axé em categorias: sangue vermelho, sangue branco e sangue preto.

Axé de animal


- No reino animal o sangue vermelho compreende o sangue propriamente dito, animal e humano, aí incluído o fluxo menstrual; no reino vegetal, inclui o epo, azeite de dendê, o osun, pó vermelho extraído de pterocarpus erinacesses e o mel, sangue das flores.
- Quanto ao sangue branco, incluem-se, no reino animal, o hálito, o plasma, o sêmen, a saliva, o suor e outras secreções;

O Axé vegetal

- no reino vegetal, a seiva, o sumo, o álcool e as bebidas brancas extraídas de palmeiras e de alguns vegetais, o Ori, manteiga vegetal e o iyerosun, pó esbranquiçado extraído do irosun;

O Axé mineral

- no reino mineral, os sais, o giz, a prata, o chumbo, etc.

O sangue preto compreende, no reino animal, as cinzas de animais; no vegetal, o sumo escuro de certas plantas, o ilu, índigo extraído de diferentes tipos de árvores, pó azul escuro chamado waji; no reino mineral, o carvão, ferro, etc.
Para poder atuar, o axé deve ser transmitido através de uma combinação particular que contém representações materiais e simbólicas do branco, do vermelho e do preto, do aiye e do orun (terra e céu), competindo ao oráculo a definição da composição necessária do axé a ser implantado ou restituído. 

O sangue - animal, vegetal ou mineral - é substância indispensável para a restauração da força. Todo ritual, seja uma oferenda, um processo iniciativo ou uma consagração, realiza implante da força ou revitalização. O que vive, para poder realizar-se ou realizar, precisa de axé e, não sendo a fonte inesgotável, a reposição se faz necessária e é obtida através da prática ritual que reatualiza a força do tempo primordial, tempo da criação.

A importância da regularidade dos ritos reside no fato de que a presença das entidades sobrenaturais é favorecida pela atividade ritual, ocasião privilegiada da transferência e redistribuição do axé.

Este, oriundo das mãos e do hálito dos mais antigos, na relação interpessoal, é recebido através do corpo e atinge níveis profundos, incluídos os da personalidade, através do sangue mineral, vegetal e animal das oferendas.


Categorias: ,

Compartilhe

Siga por Email

Inscreva-se em nossa lista de E-mail. Nunca'iremos compartilhar o seu endereço de e-mail.

Um comentário:

  1. ótimas matérias muito bom , gostaria de que vocês colocassem mais sobre comidas dos orixás tipo de de comida e pra que serve a quela comida quando devemos arriar aquela comida pro orixá em qual situação fazemos determinadas comidas e banhos també
    m

    ResponderExcluir

Você da Umbanda ou do Candomblé que quer deixar uma observação fique a vontade, seu comentário será de ajuda para mim e para os outros leitores do site que estão a procura de aprendizagem. Sorte axé para todos irmãos.

Religião
Spirituality Blogs - BlogCatalog Blog Directory Central Blogs Juntos no Candomblé

Criado para divulgar a religião do Candomblé e a Umbanda, falando sobre Orixás, Entidades, Caboclos, Ifá, Cultura Afro-brasileira, para que os seguidores de nossa tão linda religião cada vez mais se enrriqueça de sabedoria e cultura. Axé para Todos!!! Licença Creative Commons
Obra de divulgação, não deve ser comercializada de nenhuma forma. Não é permitido copiar artigos do blog sem a devida autorização do autor..
.

Divulgar Blogs

back to top