Na Umbanda Pontos de Caboclos– Parte 2

Posted by Alberto Ebomi at 14:41 0 Comments

Umbanda Pontos  Caboclos - Exus parte 2Para aprender Pontos de Caboclos (Umbanda) veja aqui a segunda parte de todos as Cantigas que são tocadas em uma Gira de Umbanda e também dependendo da Casa de Santo de Candomblé é Cantado e Tocado antes de reverenciar os Exús, Caboclos, Preto Velho, Boiadeiros (isso acontece quando o Pai de Santo veio de Umbanda antes de entrar para Casa de Nação (Ketu, Angola, Engenho velho, Efon, Jejê, Nagô, Bantu). Realmente são muitos Pontos para todos da Falange da Umbanda, vale apena conhecer a linda religião que a nossa querida Umbanda. (se tiver algum ponto que não esteja na lista (tanto da primeira quanto da Segunda parte), por favor publique nos comentários para eu acrescentar e enrriquecer o acervo de Músicas de Umbanda. Nesta listagem que irá ser por partes devido o enorme número de pontos (+ 400 pontos de letras de Umbanda em geral) vai de Oxum Umbanda até  Músicas de Exú e Pomba Gira (que irei acrescentar fora toda a coleção). No Final de Cada postagem estarei publicando os links da rádio e os pontos para Ouvir Pontos e Canticos para  Umbanda e  no Candomblé.

 

ABaixo a listagem do 25 até 52 dos Pontos para Caboclos:

 

025 – Cabocla
 
Ela é cabocla,
Ela é flecheira,
Bumba na calunga,
É caçadora de feiticeira,
Bumba na calunga,
Oi ela vai firmar seu ponto,
Bumba na calunga,
Oi vai firmar lá na Angola.
Bumba na calunga.
 
026 – Jurema Cabocla
 
No meio da mata virgem.
Uma linda cabocla eu vi,
Com seu saiote, feito de pena,
É a Jurema, filha de Tupi,
 
Jurema, Jurema, Jurema,
É a Jurema, filha de Tupi,
Ela veio lá do Juremá,
Vem firmar seu ponto nesse
Congá.
 
027 - Jureminha
 
O Jureminha, Jurema do Juremá,
Sua flecha caiu serena,
Dentro desse Congá,
Salve Ogum, que está de ronda,
Salve Cosme e Damião,
Salve a Cabocla Jurema,
Que nos trás a proteção, O Jurema.
 
028 – Jurema - Xangô
 
Bamba ruê,
A terra é de Jurema!... (bis)
Seu grito é muito forte,
O machado tem bom corte,
O leão veio das matas,
Seu Rei é Xangô.
 
029 – Jurema caçadora
 
Leão nas matas berrou,
Jurema foi caçar,
Jurema é caçadora,
Seu pai foi trabalhar,
Jurema é caçadora,
Que veio saravá.
 
030 – Caboclos Jurema
 
Lá na Jurema,
Debaixo de um pé de Ingá,
Lá onde a lua clareia os caboclos,
Eu vi o seu Pena Branca passar.
Jurema, Jurema,
Salve o seu Juremá.  (bis)
 
031 – Caboclo
 
Queria ver um sabiá cantar,
Mas não é um sabiá que está cantando,
É uma cabocla Jurema que está
assobiando. (bis)
 
Vem Jurema, o Jureminha, o
Juremá,
Vem nesse terreiro, pra seus
filhos ajudar.
Como são lindos os cabelos da
Jurema,
A luz brilhante do seu olhar,
Ela é Jurema da Mata Virgem,
Veio no Reino pra trabalhar.
 
032 - CABOCLO SETE FLECHAS
 
Jurema sua flecha caiu,
E ninguém sabe e ninguém viu,
Eu vou chamar o Caboclo Sete
Flechas,
Só ele sabe aonde a flecha caiu.
A flecha que subiu no ar e caiu no mar,
Onde estava Iemanjá,
A flecha caiu tão serena,
Que riscou o ponto da Cabocla
Jurema.

033 – Sarava Caboclo
 
Rê, rê, rê...  rê, rê, rê...
Rê, rê, rê...  rê, rê, ra...
Saravá seu Sete Flechas,
Ele é o Rei da Mata,
Quando seu bodoque atira...
Caramba!...
Sua flecha mata. (bis)
 
Rê, rê, rê...  rê, rê, rê...
Rê, rê, rê...  rê, rê, ra...
Caboclo Sete Flechas no Congá. (bis)
 
034 – Caboclo 7 Flechas
 
Naquela aldeia, tem sete coqueiros,
Tem sete cobras, todas a piar,
Ele se chama Sete Flechas de Umbanda,
Sua mironga é lá do Juremá.
 
035 -CABOCLO PENA VERDE
 
Um grito lá na mata ecoou,
Foi seu Pena Verde quem chegou,
Com sua flecha, com seu cocar,
Seu Pena Verde vem nos ajudar.
 
036 - SAUDAÇÃO Caboclo
 
Caboclo não tem caminho para caminhar,
Caboclo não tem caminho para caminhar,
Caminha pôr cima da folha,
Pôr baixo da folha,
Em todo lugar, Okê Caboclo!...  (bis)
 
Que lindo pisar que tem os caboclos,
Pisando na areia no rastro dos outros,
Salve Iemanjá e salve a Sereia,
Salve os Caboclos que pisam na areia. (bis)
 
037 -  
CABOCLO TUPINAMBÁ
 
Tupinambá, Tupinambá,
Filho de Umbanda,
Tupinambá, Tupinambá,
Venceu demanda,
Tupinambá, Tupinambá,
Chefe guerreiro,
Tupinambá, Tupinambá,
Vem no Terreiro.
 
038 – Caboclo Tupinambá
 
Estava na beira do rio,
Sem poder atravessar,
Chamei pelo Caboclo,
Caboclo Tupinambá...  (bis)
Tupinambá chamei, chamei...
Tornei chamar e a!...
Tupinambá chamei, chamei...
Tornei chamar e a!... (bis)

039 – Serra Morena
 
No alto da Serra Morena,
Eu vi uma coral piar,
Piava porque estava presa,
Amarrada no botoque de Tupinambá.
Piou, pediu a Lei Nagô,
Piou, pediu a Lei Nagô,
Trazia um tira teima na testa,
Sinal de caboclo, ele ali girou.
 
040 - CABOCLO DA MATA VÍRGEM
 
Caboclo da mata virgem,
Da mata cerrada, lá da Juremá,
Quem manda na mata é Oxóssi,
Quem manda no Céu é Oxalá. (bis)
Rê, rê, rê, Caboclo,
Quero ver girar,
Quero ver Caboclo,
Na Umbanda arriar. (bis) 
 
 
041 – Rompe Mato
Na sua aldeia, onde ele é Caboclo,
É Rompe Mato, é Arranca Toco,
Na sua aldeia, lá na Jurema,
Não se faz nada, sem a Lei Suprema.
 
042 -CABOCLO TUPIMIRIM
 
Tupimirim auê, Tupinambá!...
Arranca Toco,
Traz a Jurema pra cá,
Mãe Iara, Mãe Sereia,
Jurema vem trabalhar. (bis)

043 - CABOCLO ROXO
 
Caboclo Roxo,
Da cor morena,
Ele é Oxóssi,
Caçador lá da Jurema.
Ele jurou, ele jurará,
Pelos conselhos,
Que a Jurema veio dar. (bis)
 
044 - 
CABOCLO CACIQUE GUARANI
 
Aí vem chegando o Cacique
Guarani,
Ó Deus permita que ele venha até aqui,
Salve Tupã, salve Iara e Potí,
Salve Tupã e viva o Guarani.
Salve o luar, salve o sol, salve o
cruzeiro,
Salve o Guarani que baixou nesse terreiro.
 
045 – Caboclo Mata Verde
 
Caboclo a sua mata é verde,
É verde como a cor do mar,
Mas ele é casutão da Jurema,
Ele é casutão da Jurema,
Ele é casutão da Jurema e Naruê.
 
 
046 – Romple Mato
 
Encruza a espada e a lança,
Lá no reino da Jurema,
Ele é Rompe Mato Ogum,
Ele é Rompe Mato Ogum,
Ele é Rompe Mato Ogum,
E eu também sou Tira Teima.
 
047 -CABOCLO PENA VERDE
 
Seu Pena Verde quando vem da aldeia,
Vem trazendo pemba,
Pra saudar filhos de Umbanda,
Ele é caboclo, ele é flecheiro,
Ele é de Oxóssi, ele é caçador.
Seu Pena Verde,
É um caboclo flecheiro,
Ele é cacique, ele é feiticeiro,
Ele vem girando, ele vem assobiando,
Sua flecha atirando, ele vem
caçando,
Ele é o Rei das Matas, lá na
Aruanda,
E vem na Terra, pra salvar filhos de Umbanda.
 
048 - CABOCLO XAPANÃ
 
Xapanã vem descendo de Aruanda,
Trazendo pemba pra salvar,
Filhos de Umbanda,
Ele é caboclo, é flecheiro atirador,
Lá na Aruanda Xapanã é um
vencedor. (bis)
 
049 - CABOCLO UBIRAJARA PEITO DE AÇO
 
Corta mironga, corta senhor,
Corta língua de falador,
Pôr onde ele passa,
Não tem embaraço,
Chegou Ubirajara Peito de Aço.
O seu saiote tem pena dourada,
Seu capacete brilha na alvorada.
 
050 - CABOCLO UBIRAJARA
 
Que penacho é aquele,
Que penacho é aquele,
É de arara,
Vem rompendo a mata virgem, Vem rompendo a mata virgem,
É o Caboclo Ubirajara,
O seu saiote tem pena dourada,
Seu capacete brilha na alvorada.

051 - CABOCLO  OGUM DAS MATAS
 
Que cavaleiro é aquele ,
Que vem cavalgando pelo céu
azul,
É Caboclo Ogum das Matas,
Que vem defendendo o Cruzeiro do Sul.
Ererê, o cangira, êrerá,
Ererê, o cangira, pisa na Umban
da (bis)
Seu Cangira é Rei de Umbanda,
Seu Cangira vem saravá,
Seu Cangira trás para os filhos,
A proteção de Oxalá, seu Cangira,
Ererê, ô cangira, êrerá,
Ererê, seu Cangira pisa na Um-
banda. (bis)
 
052 - CABOCLA  IARA
 
Estrela, Sol e Lua,
Que clareia o Juremá ( bis)
Oi que valha-me todos os Cabo
clos,
De flecha e botoque,
Oi que me valha Iara. (bis)

Escute Musicas de Candomblé Aqui. Ouvir Pontos para Exú na Umbanda Aqui.
Escute a Rádio Espírita, Cantigas, Pontos, Batuques, etc.

Aqui leia a primeira Parte de Pontos de Umbanda.


Compartilhe

Siga por Email

Inscreva-se em nossa lista de E-mail. Nunca'iremos compartilhar o seu endereço de e-mail.

0 comentários:

Você da Umbanda ou do Candomblé que quer deixar uma observação fique a vontade, seu comentário será de ajuda para mim e para os outros leitores do site que estão a procura de aprendizagem. Sorte axé para todos irmãos.

Religião
Spirituality Blogs - BlogCatalog Blog Directory Central Blogs Juntos no Candomblé

Criado para divulgar a religião do Candomblé e a Umbanda, falando sobre Orixás, Entidades, Caboclos, Ifá, Cultura Afro-brasileira, para que os seguidores de nossa tão linda religião cada vez mais se enrriqueça de sabedoria e cultura. Axé para Todos!!! Licença Creative Commons
Obra de divulgação, não deve ser comercializada de nenhuma forma. Não é permitido copiar artigos do blog sem a devida autorização do autor..
.

Divulgar Blogs

back to top